Mulher e Moto

A mulher sempre foi tímida, temerosa, caseira, ligada ao trabalho doméstico, e num piscar de olhos, a partir da década de sessenta passa a invadir espaços nunca dantes navegados. Lança-se no mercado multidisciplinar, avança em todas as direções passando a concorrer sistematicamente com o homem. De pouco tempo para cá invade o espaço das motocicletas,[…]
FacebookTwitterGoogle+WhatsAppCompartilhar

Contagem a zero na sinistralidade rodoviária será possível ?

1 de Janeiro de 2016, primeiro dia de mais um ano que se deseja de melhorias na contabilidade da sinistralidade rodoviária em Portugal, na Europa e no Mundo. Mais um inicio na contagem estatística do que vai acontecendo por essas estradas fora. Mais um ano em que se espera que se consigam fortes melhoras legislativas[…]

Quando não se usa o cinto de segurança ao abrigo da lei

O cinto de segurança nos automóveis é um elemento da segurança passiva que tem como finalidade, salvar vidas. Está regulamentado na lei portuguesa a obrigatoriedade do seu uso, por parte de todos os elementos que se façamtransportar dentro da viatura, inclusive animais. No entanto, existem algumas exceções na legislação, lacunas no meu ponto de vista,[…]

A má sinalização temporária

Quantas vezes já nos deparámos com obras que estavam mal sinalizadas, entramos numa estrada que afinal não tinha saída porque andavam em obras. Pois bem, pode não parecer mas este é um problema grave, que muitas empresas de obras públicas e até Câmaras Municipais ignoram, talvez por acharem que estão acima da lei.  Venho apresentar-vos[…]

Distrações na via pública

Quando um carro realmente exótico, seja desportivo ou de luxo, passa na estrada chama a atenção e provoca a admiração de todos, provocando uma distração generalizada a quase todos nas redondezas, assim como quando passa alguém com uma indumentária mais provocante ou “exótica”, muitos distraem-se, sejam condutores outranseuntes. Há muitas outras coisas fora do veículo[…]

Será a condução autônoma o pináculo da segurança rodoviária?

Será a condução autônoma o pináculo da segurança rodoviária? É indiscutível, penso eu, que as marcas estão cada vez mais empenhadas em garantir a segurança dos seus ocupantes em todas as situações, mesmo aquelas em que o carro fica completamente desfeito. Penso que a condução autônoma é a próxima grande coisa, como dizem os ingleses[…]

As regras do ensino da condução vão mudar… mas será que melhorará alguma coisa?

É já a partir da próxima semana que mudam as regras do ensino da condução em Portugal. Muito se tem falado que deveriam existir mudanças, mas quando se discute que tipo de mudanças, parece nunca haver acordo. A primeira mudança e a principal, é o contrato. Nesse contrato vai ter de constar todos os itens[…]

A Mobilidade Sustentável

  A FIA se dedica a garantir a mobilidade pessoal eficiente e funcional. Mobilidade pessoal continua a ser um facilitador fundamental do bem-estar social, econômico e ambiental, garantindo a qualidade de vida dos cidadãos e contribuindo significativamente para o crescimento econômico sustentado. As pessoas precisam se beneficiar de sistemas de transporte cujo projeto e gestão[…]

Bombeiro não é imune, bombeiro não está impune.

Como já vimos em posts anteriores, o fluxo de viaturas de bombeiros aumenta exponencialmente nesta época de Verão. Com a crescente de situações que exigem a presença de uma ou mais viaturas destas corporações, o risco de acidente é, também, maior. A urgência advinda da necessidade de socorrer quem não se conhece, faz com que[…]