Segurança no trânsito: saiba como evitar o ponto cego

Quando o assunto é a segurança no trânsito, um dos principais fatores que deve ser levado em conta é a visibilidade. É preciso enxergar maior parte do que está nos arredores do veículo e para isso, os retrovisores são essenciais. Eles precisam estar regulados de forma correta, caso contrário a visibilidade é reduzida e o chamado ponto cego, aumenta os riscos de acidentes, principalmente durante a troca de faixa.

Ao regular o retrovisor, o motorista ajusta o espelho ao centro do horizonte, de forma que permita visualizar uma parte do veículo. É justamente essa parte vista do carro que pode ser a que falta para ver uma moto, por exemplo. De acordo com um estudo realizado pelo Centro de Experimentação e Segurança Viária (Cesvi Brasil), identificou que quando o condutor regula o espelho externo com 20% de sua área coberta pelo carro (visualizando a lateral do veículo em mais de um quinto do espelho), a área visível do trânsito pode ser 40% menor pro retrovisor do lado esquerdo e 34% do lado direito, em comparação com a regulagem recomendada.

 

Forma correta de ajustar 

Ajuste primeiro o banco e o encosto da cabeça, de forma que consiga acessar os pedais e o volante. O ideal é manter o banco em uma inclinação entre 100 e 120 graus. O correto é centralizar o horizonte e ajustar o espelho de maneira que o próprio carro não chegue a ser visto, ou apenas a maçaneta seja refletida.

FacebookTwitterGoogle+WhatsAppCompartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *