Honda faz recall de 27,5 mil carros no Brasil por ‘airbags mortais’

Honda convocou no dia 27 de junho, um recall de 27.555 veículos para substituição do airbag do passageiros nos modelos AccordCivicCR-V e FitO reparo é gratuito. O atendimento começa em 8 de julho.

Os modelos possuem os chamados “airbags mortais”, da fabricante japonesa Takata. O problema está em uma peça defeituosa chamada insuflador. Ela é um tipo de caixa metálica que abriga o gás que faz a bolsa de ar inflar.

O defeito nessa peça causa uma abertura forte demais quando o airbag é acionado. Além disso, a falha gera trincas no insuflador e, com a explosão do airbag, ele se estilhaça, atirando pedaços de metal contra os ocupantes, causando ferimentos que podem ser fatais.

Os veículos envolvidos foram produzidos entre 2000 e 2008. Veja abaixo mais detalhes:

Veja modelos envolvidos em recall

modelo chassis data de produção
Accord 2003 3G500004 a 3G500245 12/2002 a 08/2003
Civic 2001 1Z000022 a 1Z050554 09/2000 a 07/2001
Civic 2002 2Z100004 a 2Z122167 08/2001 a 10/2002
Civic 2003 3Z100016 a 3Z119881 10/2002 a 11/2003
Civic 2004 4Z100007 a 4Z115741 11/2003 a 09/2004
Civic 2005 5Z100003 a 5Z119187 08/2004 a 07/2005
Civic 2006 6Z100006 a 6Z112538 06/2005 a 04/2006
CR-V 2002 2C200014 a 2C213675 08/2001 a 08/2002
CR-V 2003 3C207113 a 3C208292 04/2003 a 05/2003
CR-V 2004 4C204678 a 4C209745 03/2004 a 09/2004
CR-V 2005 5C201149 a 5C202773 03/2005 a 07/2005
CR-V 2006 6C200003 a 6C204405 08/2005 a 06/2006
Fit 2004 4Z100053 a 4Z135754 04/2003 a 09/2004
Fit 2005 5Z100043 a 5Z104864 09/2004 a 07/2005
Fit 2006 6Z100242 a 6Z104916 06/2005 a 03/2006
Fit 2007 7Z100143 a 7Z201123 12/2005 a 06/2007
Fit 2008 8Z100103 a 8Z218610 06/2007 a 10/2008

Segundo a Honda, este recall contempla “veículos já envolvidos em reparos anteriores, que foram convocados naquela ocasião devido a falhas decorrentes do processo produtivo”

A empresa ainda afirma que este recall tem como causa “a degradação do componente químico dos insufladores após longos períodos, quando expostos às variações de umidade e temperatura”.

FacebookTwitterGoogle+WhatsAppCompartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *