Rio de Janeiro pode ganhar novo autódromo no subúrbio de Deodoro até 2020

No projeto assinado pelo arquiteto Hermann Tilke, o autódromo terá 5,3 km de pista (Foto: Divulgação)

A cidade do Rio de Janeiro pode ganhar um novo espaço para corridas de carro e motos nos padrões internacionais. O novo local para as competições seria no terreno cedido pelo Exército Brasileiro em 2012, localizado no bairro de Deodoro, Zona Oeste do Rio, e próximo ao Parque Radical – utilizado para competições olímpicas em 2016. O projeto do novo autódromo foi apresentado à Prefeitura nesta segunda-feira por um grupo de empresas privadas. A proposta é que as obras comecem no início de 2019 e termine no terceiro trimestre de 2020.
 
O projeto prevê um orçamento de R$ 850 milhões de origem totalmente privada, e padrão de pista nível 1 da Federação Internacional do Automóvel (FIA), e Federação Internacional de Motociclismo, podendo receber competições de Fórmula 1 e Moto GP. No projeto inicial também há indicação de arquibancadas para um público de 80 mil pessoas.

Traçado da pista de 5.386 metros e 20 curvas foi desenhado pelo mesmo arquiteto de outras pistas que fazem parte do atual calendário da Fórmula 1 (Foto: Divulgação)

As empresas que manifestaram interesse e apresentaram o projeto à prefeitura foram
a empresa de consultoria (Crown Consulting), gestão esportiva (CSM), e arquitetura (B+ABR Backheuser e Riera), além da Tilke Engineers & Architects, liderada pelo arquiteto alemão Hermann Tilke responsável por projetos de muitas pistas que fazem parte da competições de F1.
 
Após receber o projeto, a prefeitura do Rio tem o período de 40 a 60 dias para publicar um edital e, assim, esperar interessados numa concorrência. Depois que completar o prazo de 60 dias, as empresas deverão apresentar seus planeamentos, após 15 dias o município informa o vencedor da licitação. Além disso, o ganhador será o responsável pela captação de recursos privados para a construção do autódromo.
 
Com informações do GloboEsporte.com
FacebookTwitterGoogle+WhatsAppCompartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *