Chevrolet Onix tem zero estrela em teste de segurança do Latin NCap

Global NCap - blogO Latin NCap, organização independente que avalia a segurança de veículos, divulgou nesta quinta-feira (11) mais uma rodada de testes de colisão. Carro mais vendido do Brasil, o Chevrolet Onix foi reprovado pela entidade, ficando com zero estrela.

As principais críticas se referem ao mau desempenho do carro em teste de colisão lateral, que não é obrigatório para a homologação de veículos a serem vendidos no Brasil.

O mau resultado foi observado pelo Latin NCap na proteção para ocupantes adultos, dos bancos dianteiros. A entidade apontou o risco de impacto no peito dos ocupantes nesse tipo de batida.

“O Onix não contava com dispositivos de absorção de energia em sua estrutura para impacto lateral, apenas barras nas portas. Considerando esses resultados de testes, o Onix não passaria os requerimentos básicos da regulação para impacto lateral das Nações Unidas (UN95)”, completou o Latin NCap.

Na proteção para crianças, o veículo conquistou 3 estrelas (de 5 possíveis).
O hatch é produzido na unidade de Gravataí (RS) e exportado para Argentina, Colômbia, Chile, Paraguai, Peru e Uruguai.

Global NCap 2 - blogPor que foi reavaliado?

Em 2014, o Onix foi avaliado com 3 estrelas para adultos, mas o novo padrão de testes do Latin NCap, com colisão lateral, modificou a nota do hatch. Esse tipo de teste se tornou parte da avaliação da entidade em 2016; antes, só era feito se a montadora pedisse.

Por isso, modelos que já tinham sido avaliados voltaram a ser testados. Mas, até agora, apenas 3 que são vendidos no Brasil foram testados nos novos parâmetros: Peugeot 208 e Fiat Palio, que também tiveram notas rebaixadas por conta do desempenho ruim na colisão lateral.

Em todos os casos, o Latin NCap diz que os veículos teriam melhores resultados se tivessem airbags laterais, que não são exigidos por lei.

A entidade passou a ter critérios mais rígidos também para avaliação de impacto frontal. Mas não repetiu o “crash-test” do Onix neste caso: apenas reavaliou os resultados de 2014. É por isso que, no vídeo acima, aparecem as imagens de carros em cores diferentes: o cinza é o do teste de 2014 e o vermelho, o deste ano, de colisão lateral.

 

Fonte: Auto Esporte

FacebookTwitterGoogle+WhatsAppCompartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *