Você tem dúvidas sobre os pneus do seu carro?

Separamos algumas questões sobre esse importante componente do seu veículo. Confira

Os pneus são uma das partes mais importantes do carro. Por mais que normalmente passem despercebidos e sejam discretos, eles têm influência direta na segurança do motorista e no consumo de combustível do carro. Por isso, respondemos algumas questões e curiosidades sobre eles. Confira:

Por que o pneu é preto?
O pneu é feito de vários tipos de borracha. Assim, sua cor padrão seria acastanhado ou amarelado. E poderia ser de qualquer cor, se fosse do interesse do fabricante. É a adição de uma carga chamada negro-de-fumo que acrescenta o preto à cor do pneu, garantindo mais durabilidade e proteção contra raios ultravioleta.

O que os números na lateral do pneu indicam?
Da velocidade máxima sugerida à data de fabricação, é na lateral do pneu que você encontra suas informações. Se for 205/55R16 91W, por exemplo, o primeiro número (205) determina a largura da banda de rodagem do pneu em milímetros e o segundo (55), a relação, em porcentagem, entre a altura e a largura da banda; o R é o código para o tipo de pneu (no caso, radial) – se for D ou um traço (-), ele é diagonal – e, junto a ele, está o diâmetro do aro em polegadas; o próximo número (91) determina o índice de carga máxima permitida e o W, a velocidade máxima a que ele pode ser submetido, dados que podem ser conferidos na tabela abaixo.

dunlop_tabela (Foto: Divulgação Dunlop)

Qual o melhor pneu para meu carro?
Os pneus mais adequados para seu veículo são determinados no manual do fabricante – que deve ser lido e levado a sério. Utilizar as marcas e medidas recomendadas garante a segurança, a dirigibilidade e o conforto do seu carro. Para quem deseja substituir os originais, o manual traz outros pneus que podem ser utilizados. Porém, a orientação neste caso é consultar o fabricante.

O que preciso saber sobre a calibragem de pneus?
Calibragem significa inflar o pneu de ar para garantir segurança e ajudar na redução do consumo de combustível. A pressão recomendada consta no manual do fabricante, e ela pode variar conforme a carga no automóvel. O recomendado é fazer a calibragem no máximo a cada 15 dias, com os pneus frios, e em locais especializados, pois o equipamento deve receber manutenção periódica para eliminar um acumulo de umidade na mangueira.

dunlop_duvidaspneu (Foto: Divulgação Dunlop)

Preciso fazer rodízio de pneus?
Os pneus dianteiros e traseiros do carro trabalham de formas diferentes e sofrem diferentes níveis de desgaste. Para aumentar sua vida útil e seu desempenho, recomenda-se o rodízio a cada 10 mil ou 5 mil km, dependendo de sua aplicação. Como a especificação varia, consulte o manual do veículo. Com o rodízio, você equilibra os desgastes e garante estabilidade e aderência.

O que são alinhamento e balanceamento?
Alinhamento e balanceamento garantem segurança e equilíbrio na condução, além de evitarem o desgaste prematuro dos pneus. O primeiro regula a direção e a suspensão do veículo. Já o segundo equilibra o conjunto pneu+roda, evitando trepidações e instabilidade na direção. Eles devem ser realizados a cada 10 mil quilômetros, ao sentir que o carro puxa para um dos lados quando liberar o volante (alinhamento) e caso ocorra desconforto ao dirigir, vibração no volante ou após sofrer impacto (balanceamento).

fonte

FacebookTwitterGoogle+WhatsAppCompartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *